Notícias

Após vídeo, Rio registra panelaços contra Bolsonaro, mas também gritos de apoio

Por Agência Estado, 22/05/2020 às 19:03
atualizado em: 22/05/2020 às 19:35

Texto:

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Moradores do Rio de Janeiro promoveram panelaços e gritaria a partir das 17h desta sexta-feira, quando o vídeo da reunião ministerial ocorrida em 22 de abril e liderada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi divulgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e começou a ser divulgada pela imprensa. A maioria dos panelaços foi de protesto contra Bolsonaro.

Essas manifestações foram ouvidas pelo menos nos bairros Flamengo, em Botafogo, Copacabana, Laranjeiras e Jardim Botânico, todos na Zona Sul.

No Flamengo e com mais intensidade na Barra da Tijuca (Zona Oeste), foram ouvidos também panelaços e gritos de apoio ao presidente.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    "A família me procurou no início do mês, estava preocupada por ele estar sem advogado", explicou o advogado #itatiaia

    Acessar Link